O Consórcio Intermunicipal de Saúde (CIS) da região da Associação dos Municípios do Oeste de Santa Catarina (Amosc) realizou na manhã de quinta-feira (07) assembleia geral, na sede da Acamosc de Chapecó. O encontro foi conduzido pelo presidente, Nevio Mortari.


O secretário de Saúde de Pinhalzinho, Elmo Zanchet, participou da assembleia e foi reconduzido ao cargo de coordenador do grupo de secretários que atua junto ao CIS Amosc no sentido de direcionar as ações do consórcio e auxiliar os prefeitos a tomarem decisões que os secretários julgam mais importantes. “Todos os membros dessa comissão foram reconduzidos e é muito importante continuar esse trabalho. Podemos ser reeleitos uma vez e fiquei feliz, pois no primeiro ano sempre temos muito o que aprender e na medida do possível pudemos auxiliar e tenho certeza que com o conhecimento adquirido junto ao consórcio nesse período, agora podemos contribuir mais neste ano de 2019”, ressalta.


Conforme Zanchet, sem os consórcios seria muito difícil às Secretarias Municipais de Saúde conduzir os trabalhos. Em 2018 os municípios gastaram R$ 17 milhões em exames e consultas, fora os medicamentos. Por meio do CIS Amosc foram realizadas 47 mil consultas, a maioria de oftalmologia, 280 mil exames especializados, através de 268 empresas credenciadas (médicos, especialistas, cirurgiões, laboratórios, entre outras) e 20 especialidades atendidas durante o ano.