Em agosto de 2018, o Governo municipal de Pinhalzinho sancionou a Lei Complementar Nº. 199/2018, que instituiu o programa de Recuperação Fiscal de Pinhalzinho – Refis, destinado a promover a regularização de créditos tributários e não-tributários do município. 


Pinhalzinho detinha 1.587 inadimplentes, destes 552 contribuintes realizaram sua negociação com o governo municipal, ou seja, somente 35%.    


O secretário de Finanças, Sergio Matte, comenta que o Refis encerrou dia 28 de janeiro. “Encerramos o processo do Refis 2018, todos tiveram acesso a essa informação, foi amplamente divulgado. Dos contribuintes que realizaram negociação gerou uma receita de R$1.025.611,00, deste o município já recebeu R$ 511 mil e o restante é parcelado”, aponta, acrescentando que o município precisa dessa contribuição para manter a infraestrutura, a saúde e a educação.          


Matte pontua ainda que os munícipes que não efetuaram a negociação podem procurara o setor de tributação e tirar suas dúvidas.