O prefeito de Pinhalzinho Mário Afonso Woitexem, esteve juntamente com o secretário de Agricultura, Honorino Dalapossa e o vereador Remi Antonio Sulzbacher, em Florianópolis. O objetivo da viagem foi à busca de quatro conjuntos de inseminação artificial junto a Secretaria de Agricultura do Estado, em forma de sessão de uso por comodato. 

 


De acordo com informações de Dalapossa, estes conjuntos serão distribuídos em grupos de criadores de gado de leite que vão se responsabilizar em fazer todo o procedimento de inseminação artificial para o melhoramento genético do plantel bovino leiteiro do município, dentro da proposta de buscar apoio mais na área de suporte técnico, do que entrar nas decisões de melhoramento genético. “Enquanto eu estiver no comando da pasta, vou sempre focar em programas que venham dar suporte para a decisão do criador, onde ele terá a liberdade de buscar qual é o material genético que ele quer usar na propriedade”, afirma.

 


Dalapossa salienta ainda que a Secretaria Municipal de Agricultura dará o suporte em equipamentos, na área de nitrogénio, e para o incentivo do melhoramento genético será adotado o bônus fiscal. “Quanto maior a movimentação do produtor, mais emitir nota, ele vai se habilitar a buscar crédito, para que o município posso disponibilizar para o produtor o valor e não dose de sêmen, como era trabalhado antes”, diz o secretario.

 


Na viagem à Florianópolis, com o secretário-adjunto da Secretaria de Agricultura do Estado, Airton Spies, trataram sobre a realização de um seminário regional sobre Saúde animal X Saúde humana, para falar sobre a tuberculose e brucelose. Conforme Dalapossa o seminário deve ocorrer no mês de outubro.

 


Junto a Defesa Civil, estiveram pedindo agilidade quando a liberação das pontes prometidas pela Defesa Civil do Estado e da União.