A 16ª edição da Festa do Vinho, Queijo e Salame terá início na quinta-feira (19) e encerramento no sábado (21). O evento ocorre no pavilhão da Efacip. 


Neste ano, a novidade é o 1º encontro de Viola Caipira, que ocorre na quinta-feira, com início às 20h. De acordo com o secretário de Agricultura, Honorino Dalapossa, o objetivo é buscar os talentos locais, ou seja, tocadores e apreciadores de viola caipira. “A intensão de fazer este evento é para promover um instante entre expositores, organizadores da festa e as famílias. Pensamos que é um momento onde podemos degustar os vinhos, queijos e salames, sentar e conversar. O que vínhamos fazendo todos os anos, na sexta-feira, em virtude da abertura oficial da festa, há baste movimentação e a grande presença de políticos. No sábado, grande público também prestigia a festa e com isso não havia um momento entre os organizadores e os expositores que nos acompanham todas as edições”, diz. 


O cardápio da noite será típico da culinária italiana, polenta sapecada na chapa, salame e queijo sapecado ou in natura, servido pela Associação dos Funcionários Públicos de Pinhalzinho (Aspumpi). 


Na sexta-feira (20), os pavilhões estarão abertos a partir das 18h. Às 19h, ocorre o cerimonial de abertura, após será servido o café colonial e a partir das 20h30, show com Andrei Carlos e Rodrigo. 


A programação de sábado (21), contempla o jantar típico e show baile com a banda Sabor do Som. Porém, o pavilhão estará aberto a partir das 14h, para quem deseja visitar os expositores e adquirir os produtos. 


“O café colonial servido na noite de sexta-feira e o jantar típico italiano que será servido no sábado, terá a colaboração do Lions Clube. As fichas poderão ser adquiridas em todos os postos da Cooperitaipu de Pinhalzinho e também no posto Esplanada, na portaria da RCO, nas unidades da Cooperitaipu e com os organizadores. Fichas antecipadas sempre são melhores para que possamos organizar o evento”, enaltece o secretário.


 Ele diz ainda, que no que pavilhão da Efacip já está quase todo pronto, com algumas novidades neste ano. “Tudo está andando dentro das conformidades, tudo bem elaborado e bem adiantado. Fica o convite para que todos se façam presentes nesta 16ª edição da Festa do Vinho, Queijo e Salame, promovendo os produtos da agricultura familiar, o produto da agroindústria regional, para que desta forma, consigamos trazer uma rota gastronômica, com o pouco de auxílio que a festa possa oferecer e que aproveitamos os recursos naturais que temos na região, recursos turísticos, esse período de inverno que é próprio, característico e agradável para apreciar esses produtos”, pontua.