O vice-prefeito de Pinhalzinho, Darci Fiorini, recebeu na manhã de terça-feira (30), na sala de reuniões da prefeitura, empresários e representantes da Fiesc para tratar sobre a regularização do aeroporto de Pinhalzinho junto a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).


Na oportunidade o vice-prefeito e o empresário Vilson Hermes, do Grupo Dass, que esteve representando o grupo do Aeródromo de Pinhalzinho, receberam dos representantes da Fiesc, Waldemar Schmitz e Egídio Antônio Martorano, o livro da Fiesc titulado “Proposta para inserção de Santa Catarina no contexto logístico nacional”, que defende a realização de um estudo de viabilidade de um sistema intermodal de transporte, considerando todas as possibilidades. A Federação das Indústrias defende um planejamento integrado do sistema de transporte catarinense, respeitando variáveis macroeconômicas e a distribuição espacial da produção estadual. O trabalho propõe a elaboração de um banco de projetos, que identifique oportunidades para investimentos públicos e privados.


Durante o encontro foi tratado principalmente sobre a legalização do aeroporto com possiblidades futuras de transforma-lo em um aeroporto com capacidade para receber aeronaves de transporte de carga e de linhas itinerárias de passageiros. Mas, num primeiro momento o objetivo é regularizar o aeroporto para receber aeronaves de pequeno porte e jatos.