No sábado (17) foi realizado o 3º Recicla Pinhalzinho, na Praça Avelino Fiorini (Central). Foram recolhidos eletrônicos, entre eles: rádios, televisores, computadores, impressoras, micro-ondas, equipamentos domésticos menores, entre outros. Além de óleo de cozinha e lâmpadas fluorescentes ao custo de R$ 1,00 a unidade.


A iniciativa foi do Governo Municipal de Pinhalzinho, Fiesc/Senai, Associação Empresarial - Acip/CDL, Cooperitaipu, Grupo Escoteiro Gralha do Pinhal, Grupo Gama, Lions Clube, e Ervateira Puranativa.      


Foram Recolhidos: 4.630 Kg de equipamentos eletrônicos; 850 litros de óleo de cozinha usado; e 967 Lâmpadas fluorescentes.


Avaliação do secretário de Saúde, Elmo Zanchet, é positiva. “A comunidade tem aceitado o nosso convite, tem trazido os equipamentos eletrônicos, lâmpadas e óleo de cozinha. O volume que recebemos é grande e percebemos que a comunidade está cada vez mais consciente”, aponta.


O prefeito, Mário Afonso Woitexem, diz que a população deve continuar guardando o lixo eletrônico em casa, para quando tiver as campanhas possa ser descartado da forma correta. “Esse é um grande compromisso nosso, fazer as campanhas, coletar e a população tomar consciência do descarte correto, porque sabemos que muitos desses lixos, se estiverem às margens da BR, ou abandonado nos terrenos, vamos ter muitos focos do mosquito aedes aegypt, porque concentra água. Essa campanha nos ajuda a manter também esse controle que temos que ter no município”, ressalta.